Resenha: "O Nome do Sonho"

Título: O Nome do Sonho
Autora: M. Deméter
Editora: Garcia
Páginas: 312

Sinopse: "A vida pode ser como nos sonhos, basta acreditar."
O que você faria se descobrisse que toda a sua realidade não passa de uma fantasia e tudo se baseasse na existência de uma única pessoa?
Pode parecer ilusão, mas essa é a realidade de O Nome do Sonho. Anne já se acostumou com ela, mas Vivian não a aceita com tanta facilidade.
Em um mundo onde todos os sonhos são possíveis, talvez o amor possa transformar os conceitos de realidade e ficção, mas nunca sem sacrifícios.

Por Beatriz Guimarães

Quando eu terminei de ler o livro eu tive uma certa dificuldade em fazer a resenha, com medo de soltar spoiler, a própria sinopse não conta muita coisa e eu não queria estragar a surpresa. No livro temos duas personagens principais, Vivian e Anne. Vivian é uma mulher que nunca conheceu seus pais, foi abandonada nem um orfanato ainda bebê, e aprendeu a viver sozinha, ela nunca chegou a receber o carinho e o amor de outra pessoa, o mais próximo que chegou de ter um amigo foi Antony, avô de Anne, eles dois trabalhavam em uma editora, ele como autor e ela como uma simples atendente, ele apoiava os sonhos de Vivian, e sempre insistia para ela não desistir deles, mas Antony morre e Vivian perde esse único amigo, sem saber Vivian acaba se refugiando nos sonhos.

Anne é uma criança alegre e divertida, ela é muito próxima do avô, quando ele se vai ela também sente muito a perda dele, mas essa saudade não dura muito depois que ela começa a visitar o avô em sonhos, o avô também deixou para ela seus livros, para quando ela crescer ter um pedaço dele, a encarregada de cuidar dos livros é Vivian, ela acaba encontrando dentro de um dos livros uma coisa que acaba aproximando ela e Anne, e vai fazer Vivian descobrir mais sobre si mesma.

Eu adorei a história do livro, confesso que quando comecei a ler não sabia bem o que esperar, nas primeiras páginas eu fiquei meia perdida, sem saber exatamente o que era o que, mas depois as coisas vão se explicando, e as coisas vão ficando mais fáceis de entender. Falar sobre sonho é uma coisa tão incrível, neles nós não temos limites, e a autora apresentou isso no livro, não tem nada melhor do que sonhar.

Vivian é uma personagem amargurada, mas não se pode reclamar dela, depois de tudo o que ela passou, com o decorrer do livro e a aproximação dela com Anne, Vivian vai se soltando um pouco mais, mostrando um lado mais carinhoso e dócil. Anne foi a minha personagem favorita no livro, toda aquela inocência de uma criança foi encantador, impossível não se apaixonar por ela e toda a sua animação.

A proposta do livro é bem diferente, não tinha lido nada parecido ainda, fez ele fica bem criativo adorei a ideia da autora, eu gostei muito que a autora fez capítulos curtos, eu gosto de livros assim, me dá a impressão que eu estou lendo mais rápido, a capa também está um capricho, logo de cara ela me chamou a atenção. Eu gostei muito do livro, mas eu fiquei meio em duvida sobre o que eu achei do final, eu esperava que acontece-se outra coisa, ele é um final que eu acabei entendendo pelo que a autora quis trazer, mas eu imaginei uma coisa diferente, eu também acho que vai de cada um esse final, só lendo para tirar a sua opinião. 

Mesmo com esse ponto o livro está de parabéns, os personagens são bem construídos, a história é muito bem contada, e ele ainda trás uma mensagem linda para todos, acredite nos seus sonhos. Espero ler outros livros da autora em breve,

Um comentário

  1. Obrigada pela resenha maravilhosa <3 Fico feliz que tenha gostado. Beijos!

    ResponderExcluir

© Just Breathe - Todos os direitos reservados.
Criado por: Beatriz e Thayná.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo