Resenha: "A Rosa Entre Espinhos"

Título: A Rosa Entre Espinhos
Autora: Josiane Veiga
Páginas: 285

Sinopse: Na maldade da vida, ela apendeu a viver... Mairi amou Ian McGreggor no mesmo instante em que viu. No entanto, a moça de olhos claros não imaginava que sua paixão pelo duque de York estava seriamente corrompida por uma maldição... E que o amor de seus sonhos se tornaria um pesadelo. Violada, grávida, destruída, ela se vê obrigada a viver ao lado de um homem que não mais conhece. O antigo amor tornou-se repulsa, e as crenças tão firmemente enraizadas em seu ser começam a tornar-se dúvidas. Nesse mar de sentimento e incertezas, enfim, ela precisa saber se está pronta para perdoar. Nos braços de uma mulher, ele aprendeu a crescer... Ian McGreggor viu sua vida do avesso. Acusado de assassinato, com a loucura da mãe, e fantasma pelo castelo, o rapaz se vê tomado de ódio pela única mulher que amou. Sem escrúpulos, fere-a sem piedade, para mais tarde entender que o sofrimento dela não lhe causava nenhum alento. Com recuperar o amor de alguém que não o suporta? E como provar sua inocência duvidando de si mesmo?

Ian McGreggor volta para casa para o casamento que esta arranjado para ele a anos, mesmo não conhecendo muito sua noiva, ele casa com ela mesmo assim. Na noite de núpcias, sua mulher é assassinada e ele é o principal suspeito, por que acham que ele descobri que ela traia ele com outro e com raiva jogou ela da janela de quarto deles.

Mairi foi abandonada na porta do castelo da família McGreggor, lá ela é acolhida, cresce e vira uma empregada. Ela conhece Ian quando ele volta para casa ela começa gostar dele, mas por ele ser o seu Senhor não quer se aproximar porque não quer virar uma mulher qualquer.

Com a convivência Mairi vê que Ian pode ser um homem romântico, carinhoso e começa a achar que ele não tem culpa no assassinato da mulher, como nem tudo são flores quando a mãe dele descobre que os dois pretendem assumir o romance, arma um plano e manda Mairi embora acreditando que Ian mentiu ela. Por um fator de acontecimentos Ian também acredita que ela o enganou e abusa dela se e logo se arrepende, e depois descobre por seu melhor amigo que ela está gravida, esse amigo faz ele se casar com ela, e Ian vê isso como uma oportunidade para conquistar Mairi novamente.

Uma tive relação de amor e ódio com esse livro, no início o Ian é maravilhoso com a Mairi faz ela sentir o que é estar apaixonada pela primeira vez, faz ela se sentir protegida e amada por uma pessoa, tudo é maravilhoso, mas quando ele estupra ela eu senti um ódio mortal por ele, achei bem feito ele sofrer de culpa por tudo que ele fez. Quando ele se casa com ela para assumir o filho é que que vemos ele mudar para o homem que conhecemos no início é ai que me conquistou de novo.

Para quem já leu certos livros da Judith McNaught já passou por esse "problema" com os personagens, esse livro eu achei que é até mais forte, mas o que eu gosto nele é o modo como a autora nos faz gostar de novo desse homem que se arrependem e não mede esforços para mostra que realmente é apaixonado. A Mairi é incrível, passou de uma menina inocente para uma mulher de garra, passa por coisas humilhantes,  mas da a volta por cima, adorei ela.

Bom, é um tema polêmico e pode não agradar a muitos leitores, mas eu gostei, a história é boa, os personagens vão evoluindo e você observa isso. O livro envolve e leitura flui fácil, o romance é lindo, ainda tem um certo mistério para descobrir quem é o assassino. Eu recomendo.










4 comentários

  1. Adorei o livro escolhido e sua resenha está excelente!!! Parabéns! =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada e que bom que você gostou do livro.

      Excluir
  2. Ah, encontrei a resenha sem querer. Nem tenho palavras, muitoooo obrigada pelo seu carinho ♥ To divulgando ela no meu face^^ https://www.facebook.com/275636389145858/photos/a.275639275812236.70207.275636389145858/699338163442343/?type=1&stream_ref=10

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. \o/ Que bom que você gostou, fico muito feliz.

      Excluir

© Just Breathe - Todos os direitos reservados.
Criado por: Beatriz e Thayná.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo